DIVERSÃO

OS ESPORTES MAIS ESTRANHOS E DESCONHECIDOS DO MUNDO

By  | 
links patrocinados


Aos que já estão cansados dos esportes tradicionais, nós resolvemos trazer um pouco mais de aventura para vocês. Esses são os esportes que quase ninguém conhece e são os mais estranhos também.
As vezes fico impressionada com a criatividade das pessoas em criar algo novo, ainda mais quando se trata de algo bizarro. O mais engraçado é a quantidade de pessoas que pratica esses novos esportes.

Ficou curioso? Que tal dar uma olhadinha nesses esportes, aposto que a maioria nunca ouviu falar deles.

DEDÃO DE FERRO ou TOE WRESTLING

Um esporte parecido com a queda de braço só que é feito com os pés(?), surgiu na Inglaterra e, hoje em dia, já existem campeonatos mundiais . Pois é, os atletas usam os dedões dos pés para fazer a prática do esporte e o competidor que tirar o pé do chão será desclassificado. Só ganha quem conseguir encostar encostar o pé do adversário em um dos lados do ringue.

SKYAKING

Esse é um esporte para quem curte uma adrenalina. Que tal pular de paraquedas a 4 mil metros de altura só que com um caiaque e fazendo manobras enquanto cai e ainda cair sobre a água? Pois é, o estadunidense Miles Daisher não se contentou com um dos dois esportes e resolveu juntá-los. O mais legal desse esporte é que ele é bastante seguro, isso pois existem os cuidados de um salto de paraquedas mais os materiais bem equipados, tornando o salto mais seguro que o normal. 

MAN VS HORSE

Isso mesmo, uma maratona onde homens competem contra cavalos. Há quem dia que é possível que, em longas distâncias os homens são equivalentes a qualquer cavalo. Gordon Green, criador do esporte, concorda e resolveu provar que é possível. São 35km de corrida e somente 2 homens conseguiram vencer a prova, um em 2004 e o outro em 2007. Desde então, os cavalos têm levado a melhor.

RUGBY SUBAQUÁTICO

O esporte é praticamente igual ao Rugby, só que com uma diferença… é praticado debaixo da água. São duas equipes de 6 jogadores, com uma piscina de 3,5 a 5 metros de profundidade e tem duração de 30 minutos (dois tempos de 15). O objetivo do jogo é acertar a bola dentro da cesta do adversário e a bola não pode subir a superfície quando o jogador sobe para tomar ar.

SEPAKTAKRAW

Nascido no sudeste da Ásia, é uma mistura de vôlei com futebol. O esporte já existe há uns 500 anos, há pouco tempo chegou ao Brasil e já temos até uma seleção brasileira. O jogo funciona do mesmo modo de um jogo de futevôlei, porém os jogadores conseguem dar super cortadas com bicicletas e ainda caem de pé e os adversários conseguem fazer os bloqueios usando os pés.

BUZKASHI

Já na Ásia central existe um esporte que é parecido com polo, mas, em vez de uma bola, é usado uma cabra sem a cabeça. O objetivo é pegar a carcaça do animal, driblar os adversários e arremessá-la através de uma linha de meta. O jogo pode durar até dias e é muito violento e perigoso.

XTREME IRONING

É um esporte tão criativo quanto estranho que surgiu em 1997 na Inglaterra. A ideia é praticar algum esporte radical passando roupa. Ele combina a as emoções de uma atividade radical ao ar livre com a satisfação de uma camisa bem engomada. A prática já foi realizada em montanhas, florestas, em uma descida de canoa, fazendo snowboard e até em mergulhos subaquáticos. E para os que não acham que é um esporte, ele tem até campeonato mundial.

CALCIO FIORENTINO

Esse é um futebol italiano, mas não é como o futebol que conhecemos. É uma prática antiga, por volta do séc XVI, onde os times são compostos por 27 jogadores, que disputam um jogo de 50 minutos. Ele pode ser jogado tanto com os pés quanto com as mãos e a única regra do jogo, é fazer gol, causando muita porrada durante os jogos. Os jogadores acabam nem ligando muito para o jogo, eles só querem espancar alguém.

links patrocinados